img_8.jpg

SS21 PART I

SS21 PART II

SOON

Quando tudo isto passar, vamos vingar-nos. Vamos do fato de treino ao fato de banho, do colchão da cama ao da piscina, do online ao offline, do Zoom ao Boom, do microondas às ondas, da pandemia à alegria. Porque o Verão vai chegar e a vingança serve-se fria. Num abraço depois do mergulho, numa imperial ao fim da tarde, num gelado à beira mar. Vamos recuperar os silêncios sem mutes, resgatar os beijos sem ecrãs, voltar aos abraços, aos salpicos, às boleias. Vamos à derradeira retaliação ao sofá. Vai tudo ao mar. Vamos brindar, correr, mergulhar. Não nos vamos esquecer mas vamos tentar não nos lembrar. Usemos o mar para lavar, expurgar, levar. Para levar estes meses que se fizeram anos e estes anos que nos cortaram os planos. Vinguemo-nos da solidão, do medo, da vontade inesperada de chorar. Vamos vingar-nos dos números a escalar-nos cabeça adentro, das despedidas que não se fizeram, das lágrimas que não se puderam limpar. Queremos a desforra. Vamos resgatar o brinde e reivindicar a partilha dos amendoins, da toalha, dos matraquilhos. Vamos ajustar contas com a ausência, com o desencontro e com a distância. Vamos ser emojis de carne e osso. Vamos voltar aos convites, à mão dada e ao high five. Quando tudo isto passar, vamos vingar-nos deste interminável cativeiro do gesto. Vamos pedir que nos apertem o bikini, que nos espalhem protector, que nos dêem cavalitas. Vamos mandar a pista abaixo. Vamos soltar as gargalhadas cara a cara, os segredos ao ouvido e as trincas na bola de berlim. Vamos da emergência à urgência de dias e noites sem fim.
Depois da tempestade, vem a bonança, depois da calamidade, a vingança.

Equipa Type